quarta-feira, 12 de dezembro de 2012

É Natal!

Não posso deixar de postar essas ideias lindas de decoração natalina com suculentas, mais uma vez eu repito que elas podem ser usadas em todas as ocasiões e agora não seria diferente, guirlandas  (veja aqui como fazer), arranjos de mesa ornamentação de árvores e até na confecção das próprias árvores de natal elas são usadas e o visual fica incrível. Veja a seguir algumas ideias e arrase nesse natal.

Guirlandas:

Por: Lenora Succulent Wreath.

Por: Inspire Bohemia.

Por: Tobbieanne.

Por: Flora grubb.
Via: etsy.com

Via: etsy.com

Por: Fairy-scape.com

Por: cactus Jungle.



Arranjos de mesa:
Por: Chicweed.
Por: shopsucculents.

Magnífico centro de mesa
por: Harry and David.

Enfeites para o jardim:
Ornamentação de cactus.
Foto: Debra Lee Baldwin.

Ornamentação:

Por: Better homes and gadens.

Por: seakettle.com

Por: Flora Grubb.


Por: Flora Grubb.

Por: Flora Grubb.

Por: Projectwedding.com

... e essas que parecem de verdade mas são como pisca pisca. Por: mayesh.com

  
Árvores natalinas:
Por: Cactus certer.

Por:Jessica St Hillaire.

Por: Leila Khalil.

Por: Mayesh Wholesale Florist.

Por: Southern California.

Árvore de suculentas no Allan Gardens Conservatory-Toronto 2008.



Por: Phoenix Home & Garden magazine. Árvore montada em uma loja, legal!!!

terça-feira, 4 de dezembro de 2012

Mini Vaso Sem Terra

Meio sem tempo, não tenho feito muitas postagens, hoje encontrei em um site japonês essa montagem de mini vaso digna de ser compartilhada. Nunca montei vasos sem terra dessa maneira, se alguém aí já montou, por favor, compartilhe a experiência.
Gostei de tudo, da qualidade das fotos, da delicadeza da montagem, da ideia sem terra e do vaso em si, simples e marcante, ideal para mesas de escritório.
Note que não há presença de furo no vaso e o substrato é uma espécie de cascalho.
As raízes devem ser soltas gentilmente.
Medindo a altura das raízes, que podem ser aparadas, pode com tesoura afiada e limpa.
Preencher o fundo com o substrato.
Posicionar o cactus e completar o preenchimento.
Ainda há uma cobertura com predriscos.

Fonte: Saboten Style.
O resultado final é esse, segundo as recomendações do site, esse vaso só dever sere regado uma única vez por mês, devido a falta do dreno e possivelmente ao tipo de substrato, o legal é que não tem chance de molhar a mesa.

quarta-feira, 26 de setembro de 2012

Revista Paisagismo & Jardinagem: Cheias de Charme

Algumas semanas atrás, saiu uma matéria sobre o uso de suculentas na Revista Paisagismo & Jardinagem da editora Casa Dois, edição 114. respondi algumas perguntas e quem tiver o interesse, abaixo está na íntegra a matéria de Renata Putinatti sobre como imcorporar as suculentas ao seu jardim. Se quiser adquirir um exemplar clique aqui.

Para melhor visualização clique nas imagens.
Dica: se a imagem não ficar visível para leitura clique nela e arraste até a barra de endereços e então solte, depois é so clicar na lupa +. 

quinta-feira, 13 de setembro de 2012

Receitas Caseiras para cochonilhas

Receitas caseiras para combater cochonilhas de suculentas


Indiscutivelmente os inseticidas são eficazes na hora de combater as pragas que atacam as suculentas e plantas em geral, porém até os menos agressivos e com grau baixo de toxicidade são perigosos para os homens e animais. 
Receitas caseiras tem benefícios  importantes, pois além de baratas são fáceis de fazer e não precisam de um aparato de proteção para a aplicação. Um ponto importante que vale ser ressaltado é que a maioria das suculentas são muito sensíveis aos inseticidas, estes retiram a cera protetora de suas folhas alterando sua coloração, enfraquecendo-as e tornando-as feias. 
Ainda assim destaco que quando plantas são atacadas por pragas e doenças são em decorrência de condições não ideais para o desenvolvimento das mesmas, sejam suculentas ou não, então em alguns casos fazer uma limpeza na planta e substituí-la de vaso e substrato já pode ser muito eficaz para o desaparecimento das praguinhas. Mudar de lugar o vaso também pode ser interessante, talvez ela esteja recebendo muito ou pouco sol (normalmente pouco), ou talvez esteja com muita água. Algumas atitudes bem simples podem modificar totalmente o ambiente e melhorar a saúde da planta.
Abaixo você vai encontrar duas receitinhas caseiras que são eficazes no combate à pragas comuns das suculentas, as medidas são para grandes quantidades, mas você pode diminuí-las ou quem sabe fazer em conjunto com um vizinho ou amigo. 

Receitas caseiras contra cochonilhas:

- Emulsão de óleo mineral: (pode ser recalculada para menores quantidades)
  • 2 litros de água;
  • 1 kg de sabão neutro;
  • 8 litros de óleo mineral.
Pique o sabão misture com o óleo e a água e leve ao fogo mexendo sempre até ferver e adquirir uma consistência de pasta, guardar em um pote bem tampado. Na hora de usar dissolva cerca de 50g da pasta em água morna e dilua tudo em 3 litros de água. 


- Calda de fumo:
  • 100g de fumo de corda;
  • 1/2 litro de álcool;
  • 1/2 litro de água;
  • 100 gramas de sabão em barra neutro.

Misture o fumo cortado em pedaços pequenos ao álcool e a água e deixa essa mistura curtir por cerca de 15 dias, Após esse período, corte o sabão em pedacinhos e dissolva em 10 litros de água. Misture o sabão à calda de fumo curtida, em áreas de ataque muito intenso pulverize a mistura diretamente sobre as plantas, repita o processo uma vez por semana.

Minha técnica:
Algumas coisas foram dando certo ao longo dos anos, pode não ser a a técnica mais correta, mas pra mim funciona e vou dividir com vocês esse procedimento. Quando você se depara com uma suculenta atacada por cochonilhas por exemplo, a primeira etapa a ser seguida é a limpeza da planta, que pode ser feita com água e sabão neutro de coco diluído, se o ataque for muito intenso, provavelmente as raízes também estão atacadas, o que eu faço nessa situação é retirar totalmente a raiz da planta e literalmente lavá-la em água corrente com uma certa pressão, para que todas as cochonilhas sejam retiradas, tome cuidado para não quebrar as folhas das suculentas e com carinho abra todos os espaços para uma limpeza completa, após esse procedimento deixo  a parte do caule cicatrizar por alguns dias sem luz solar direta, esse momento de cicatrização é importante pois diminui a chance de novas doenças aparecerem. Então preparo um substrato misturando partes de granitina que são predrinhas bem pequenas (uma parte), junto a um substrato de boa qualidade de composto esterilizado (duas partes), isso evita muito o aparecimento de novas pragas, só depois aplico um spray de óleo de neem, que não é agressivo e pode ser encontrado em qualquer casa do ramo, nas primeiras semanas faço aplicações repetidas de óleo de neem até que a planta fique livre do ataque.

A observação deve ser constante, de repente a planta sadia pode ser surpreendida por esses insetos e o combate logo no primeiro aparecimento garante a boa saúde da sua coleção, já que elas se espalham rapidamente, caules das flores são muito apreciados por pragas, corte-os fora assim que as flores secarem, em alguns casos mais intensos corto antes mesmo das flores abrirem, é uma pena pois o legal é ver a floração exuberante e muito esperada delas, mas isso se faz necessário para um bom desenvolvimento.

sábado, 11 de agosto de 2012

Quadro de Suculentas

     "Essas suculentas emolduradas são fantásticas, quando o espaço é pequeno como um terraço por exemplo, as moluras de suculentas ficam perfeitas, pois trazem verticalidade em paredes vazias que ganham pontos focais modernos e cheios de estilo. As suculentas são a escolha natural para esse tipo de trabalho, crescem lentamente e tem baixa exigência de água. A paleta escolhida para os quadros é definida pela textura, padrões e apelo arquitetônico, e isso as suculentas têm de sobra, pois são riquíssimas em texturas e padrões impressionantes que compõe combinações diferenciadas".
Encontrei no site do "Better Homes and Gardens" essa verdadeira aula do "DIG Gardens" da California e dá pra perceber como são fáceis de montar.

É muito fácil selecionar mudas de plantas adultas que já se estabeleceram no jardim ou em vasos, depois de podadas devem permanecer em descanso um ou dois dias antes de serem plantadas, pois há uma pequena cicatrização da poda nesse período, e não tem problema se elas murcharem um pouco.
Qualquer moldura pode ser utilizada  nesse trabalho, se você tem experiência em marcenaria, será muito mais fácil, mas não requer muitas habilidades. A parte de trás da moldura também será utilizada, descarte apenas o vidro.  Você precisará de uma tela, com a mesma medida da parte traseira, que pode ser fixada com uma pistola de grampos. Uma "caixa" para a lateral na medida da moldura para ser preenchida com cerca de 4cms de terra. Além de pregos, tinta, cola...
Fixe essa caixa na moldura, afim de adicionar profundidade ao quadro, use madeira tratada para resistir mais tempo á água. 
Prenda a tela internamente, pode ser até tela de galinheiro.
Então finalize com o fundo, que pode ser colado e pregado.
Se a ideia for pintar, o momento é agora, antes de preencher com a terra. Espere secar para o preenchimento.
Um substrato preparado especialmente para suculentas e cactus, é o resultado de 2 partes de terra para uma parte de areia lavada.
Com o auxílio de um palito, abra os espaços e introduza as suculentas sem raízes, elas devem ter um mínimo de 2cms de caule.

Hora de criar.
Ainda em uma superfície plana, acomode primeiro as suculentas maiores e depois as menores, não se preocupe em preencher todos os espaços, pois elas ainda irão crescer, mas feche o máximo que conseguir.
Depois de plantar, mantenha o quadro na horizontal por no mínimo duas e sem expor a luz solar direta, apenas claridade, isso ajuda a acelerar o enraizamento. Não molhe na primeira semana. Se for necessário use clipes de artesanato para prender as suculentas.

As Regas: podem ser molhadas com mangueira, tirando a pressão da água para evitar que elas se quebrem, você também pode tirar da parede e regar como um vaso normal e depois de escorrer o excesso de água, pendure-o novamente.
Logo vou postar aqui imagens que alguns leitores do blog me enviaram, dos quadros que montaram inspirados nessa ideia de outras postagens. Se você já montou o seu e quiser, pode mandar a foto pra mim que eu posto junto (lidianepaisagista@gmail.com). 

ABC das Suculentas de Cara Nova

Resolvi mudar a fachada do Blog.

...e aí, ficou legal?
Essa era a antiga:

CRÉDITOS E DIREITOS AUTORAIS DE IMAGENS

A grande maioria das imagens utilizadas no blog não são de minha autoria, SEMPRE que encontro, disponibilizo os créditos nas imagens.
Infelizmente, muitas delas quando encontro, são cópias das cópias, e já não possuem os devidos créditos e direitos.
A única finalidade desse blog é a DIVULGAÇÃO e COMPARTILHAMENTO de imagens das suculentas, para uma popularização no Brasil dessas plantas que são incrivelmente resistentes e tão utilizadas ao redor do mundo.
Se você se deparar com uma imagem de sua autoria ou a qual possua os créditos, por favor entre em contato comigo pelo e-mail lidianepaisagista@gmail.com, para reparação correta com a colocação da sua autoria ou para a retirada da imagem do blog.